Como seria o mundo sem redes sociais?


Ontem o Whatsapp, Instagram e Facebook sofreram com uma instabilidade e surgiu a pergunta: “como seria o mundo sem as redes sociais?”


Minha resposta de bate-pronto foi: Bem melhor.


Mas essa resposta não é 100% correta já que existe um fator importante para levar em consideração, vou explicar um pouco mais.


Na minha opinião, a grande maioria das pessoas não entende como a nossa mente funciona. Então todo esse volume de informação que acontece nas redes sociais, acaba deixando as pessoas ansiosas e aceleradas.


O motivo principal disso, pelo que percebo, é que elas acreditam que se elas se desligarem elas podem perder alguma coisa que, de acordo com elas mesmas, pode ser crucial para a felicidade delas. O famoso FOMO.


FOMO, se você não sabe, é uma sigla em inglês que significa Fear Of Missing Out, ou seja, medo de estar perdendo alguma coisa (deixando de participar).


Quanto mais fácil e ágil a comunicação, mais oportunidades aparecem para nós, mais estamos deixando de participar e então, consequentemente, mais FOMO.


E como entender a nossa mente ajuda com FOMO?


Quando percebemos que quem somos, no fundo, não tem a necessidade de participar de tudo, nosso FOMO desaparece.


Teríamos dois caminhos então para não sofrer de FOMO: não ver mais oportunidades (acabando com as mídias sociais ajudaria muito nisso), ou entendendo que estamos fundamentalmente bem.


Como não dá pra retroceder na tecnologia, podemos avançar em compreender nossa mente.


É isso que fazemos na jazzz.in e isso é apenas um dos resultados que vemos de quem participa da nossa imersão: https://www.jazzz.in/imersao-jam


Abração,


Robin.

11 visualizações

©2019 por Jazzz. Todos os direitos reservados

ENDEREÇO

 

Rua Joaquim Antunes, 367

Pinheiros - São Paulo - SP